Divisão em dois volumes destacam casa de madeira em praia uruguaia

Divisão em dois volumes destacam casa de madeira em praia uruguaia

11/06/2019

Concluída em 2018, esta residência projetada pelo escritório FRAM Arquitectos preserva a floresta nativa da Praia La Juanita, no Uruguai. O terreno situado em uma encosta com desnível de quase 2,5 metros e, por esta razão, optou-se por construir a casa na cota mais alta, mantendo a inclinação natural. A casa foi construída alguns centímetros acima do lote, o que garante a ventilação permanente entre ela e o solo.

O programa é dividido por dois volumes com alturas distintas: o menor compreende a cozinha e as salas de estar e jantar enquanto o volume maior agrupa banheiros e dois quartos, com vista para o mar. No volume dos quartos, o ambiente dos convidados fica no nível inferior e o andar superior destina-se aos proprietários. Os dois volumes são conectados por uma circulação envidraçada e um deque de madeira, que delimita um pátio sombreado.

Com exceção da fundação, a construção é inteiramente de madeira. Foram usadas espécies mais duras para a estrutura e mais macias para divisórias internas. A face externa do fechamento foi revestida com pinheiro tingido de óleo, que contrastam com posicionados a estruturas dos montantes verticais que variam a cada 60 centímetros. A linguagem arquitetônica é configurada pelo esqueleto estrutural exposto.

Fotos: Fernando Schapochnik

 



Casa do Bomba

por Sotero Arquitetos



Studio SC

por Studio MK27



Edifício Arapiraca

por Triptyque Architecture


Newsletter